o difícil equilíbrio.

à medida que os treinos para a maratona vão progredindo (em exigência física e dedicação de tempo), vou sentindo algumas dificuldades em balancear três factores que são comuns à grande maioria de nós: trabalho, casa e vida pessoal. três variáveis que por si já coexistem em equilíbrio precário, e com as quais passo a vida a negociar de forma a encontrar o necessário compromisso à vivência diária. nada de novo visto desta perspectiva pois sabia que este projecto ia requerer grande dedicação e disciplina.

porém, com o passar dos dias e semanas, vou navegando por um labirinto de compromissos e obrigações mais ou menos importantes ou inadiáveis, mas sempre com um objectivo: manter o rumo que me levará até à linha de chegada da maratona do porto.

a primeira da (e do resto da) minha vida. em sentido literal e figurado.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s