greve. mais carros.

tinha que ser. já que estava na baviera e a tap tinha feito o favor de cancelar o vôo de regresso a lisboa devido à greve, fiquei com um dia extra para me enriquecer culturalmente. não tive que pensar muito, pois a cidade de ingol há muito que chamava por mim. motivo? a marca dos 4 anéis, a audi.

tenho uma ligação sentimental a esta marca, dado que foi num audi que comecei a sentir o que era conduzir. de uma forma que agora é impensável, mas que em áfrica e no início da década de 70 era habitual. condução a dois. o meu pai tratava dos pedais, eu do volante e caixa de velocidades. e assim passei horas percorrendo as tranquilas ruas da cidade de benguela, a uma velocidade muito reduzida. com indisfarçável orgulho e a sensação de já ser “grande”. afinal já conduzia. num bonito audi 60 ls, creme e com o interior em encarnado, matrícula aba-25-09.

audi. desde 1932 e resultante da junção de 4 marcas: horch, dkw, wanderer e auto union. na primeira fase não resistiu à 2ª guerra mundial, mas re-emergiu a meio da década de 50, na senda do ressurgimento económico registado pela antiga república federal. na década de 60 absorve uma outra marca, a nsu, e, desde então, transformou-se num colosso da indústria alemã. nos dias de hoje integra o grupo vw, porém mantendo uma identidade e carisma muito próprios.

ingolstadt é sinónimo de audi. no complexo industrial que a marca ali possui trabalham 30.000 pessoas, 2/3 das quais ligadas à produção de automóveis das séries a3, a4, a5 e q5. o museum mobile integra este complexo e atraí milhares de visitantes à cidade.

o projecto é da autoria do arquitecto gunter henn, do gabinete kms de munique, e completará 10 anos de existência no próximo dia 15/12. de formato circular, integralmente revestido a vidro e com dois pisos, o museu faz-nos viajar no tempo e pela história da audi. os pisos 2 e 1 albergam a exposição permanente e cobrem 1 século de vida da marca. o piso térreo acolhe as exposições temporárias e uma excelente loja.

dois outros espaços completam o audi forum, um dedicado à exposição da actual linha de veículos e serviços ao cliente (market & customer center) e o outro funcionando como local de entrega de viaturas novas aos clientes (customer center), complementado com mais uma enorme loja e um excelente restaurante gourmet.

um dia em cheio, cultural, tecnológica e gastronomicamente falando. coisas da greve…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s