ainda a corrida do tejo.

para que não hajam dúvidas: participei na corrida a convite da organização, dispenso as medalhas e diplomas raramente os imprimo.

está instalada a polémica por causa das medalhas e diplomas. este ano a organização resolveu não dar a medalha no fim da prova, optando antes por colocar um folheto no saco distribuído no final com as indicações para o levantamento da dita. bizarro? certamente. faz sentido? algum, nomeadamente no capítulo financeiro.

numa prova com mais de 10.000 participantes, produzir tal número de medalhas tem um custo não negligenciável, podendo a verba correspondente ser canalizada para fazer face a outros encargos bem mais importantes numa prova desta dimensão, como sejam o policiamento, assistência médica e os abastecimentos. porém, e a bem da transparência, deveria a organização ter previamente dado conta do facto, evitando assim defraudar a expectativa de todos aqueles que contavam receber a dita medalha como corolário da sua participação. uma situação em que o objectivo subjacente seria racionalizar, mas cuja implementação falhou por deficiente informação.

quanto aos diplomas também existe um vasto rol de queixas, mas neste caso parece-me que a trapalhada resulta de algum problema informático. fotos que não correspondem aos dorsais, classificações relativas à edição do ano passado e mais alguns enganos, têm feito com que a página da organização no facebook se tenha transformado no “muro das acusações”. nalguns casos excessivas, noutros mais ponderadas, mas, ainda assim, evitáveis.

a corrida do tejo é, na minha opinião, e atendendo à sua dimensão, uma prova de alto nível e muito bem organizada. estes deslizes, apesar de evitáveis, em nada diminuem o prestígio que a prova alcançou, de que é testemunho o aumento de ano para ano do número de participantes. apesar do preço da inscrição e das críticas de que é alvo, afirmou-se como o maior prova de 10 km disputada em portugal e a segunda na península ibérica. mas as coisas são o que são e a qualidade tem um preço. neste caso, a procura continua claramente a suplantar a oferta.

o consumidor gosta do produto/serviço!

Anúncios

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s