#p2.17

Num ano dedicado a participar em provas nas quais nunca marquei presença, desta vez fui a Alverca onde acrescentei mais uma instalação militar ligada à aviação à minha lista.

Já corri nas BA1 (Sintra), BA2 (Ota) e BA6 (Montijo) e agora no Complexo Militar de Alverca, um local de grande importância na história da aeronáutica portuguesa desde o longínquo ano de 1919.

O percurso da 3ª Corrida Cidade de Alverca proporcionou uma incursão pelas instalações do aeródromo que estava destinado a ser a BA8, a qual, no entanto, nunca foi activada. Acolheu inicialmente o Grupo Independente de Aviação de Bombardeamento (GIAB) e a Companhia de Aerosteiros, tendo progressivamente deixado de ter uma vertente operacional para se transformar num aeródromo logístico de apoio aos vários organismos aeronáuticos instalados em Alverca.

Ali funcionou igualmente o primeiro aeroporto internacional português, cuja denominação oficial era Campo Internacional de Aterragem. Destinava-se a servir de terminal às ligações aéreas internacionais com Lisboa, sendo desactivado em 1940 quando foi construído o aeroporto da capital.

Quanto à prova nada de negativo a assinalar, onde tudo o que é essencial esteve no terreno. Assim sendo, resta-me felicitar a organização pelo profissionalismo e rigor demonstrados, que resultaram num evento no qual foi um prazer participar.

Agora faltam as BA4 (Terceira), BA5 (Monte Real) e BA11 (Beja). Pode ser que um dia abram as suas portas a uma prova desportiva.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s